Apresentação

Apresentação

segunda-feira, 7 de junho de 2010

Faça como o Gavião Real: desfaça o ninho!

Muitos pais se queixam por não saber o que fazer  para que seu filho seja mais independente, se desenvolva mais rápido, se socialize melhor com outras crianças. O fato é que o ser humano, apesar de ser o único animal racional, tem dificuldade em lidar com seus sentimentos, deixando que isso prejudique na hora de tomar uma atitude em relação à educação dos seus. Mas um bom exemplo de como devemos ser, como sempre, aparece na natureza. É o caso do Gavião Real: ele dá todo o amparo necessário para que o seu filhote se desenvolva. No entanto, ao perceber que o filhote já possui as faculdades necessárias para se locomover e conquistar o seu próprio alimento, desfaz o ninho, que é o seu ponto de referência. Então, por não haver mais o ninho, o filhote não vê outra alternativa a não ser buscar novos rumos. Observo que, muitas vezes as crianças não se soltam mais, por que os pais estão sempre lá: prontos para o agarrarem antes que a criança caia. Não, gente! Tem que deixar cair! O aprendizado só será conquistado por meio de experiências, sejam elas positivas ou não. Para os pais que têm adolescentes: - meu filho só irá começar a trabalhar, depois dos estudos, senão atrapalha na sua formação. Que problema um jovem terá de ganhar vivência, ahn? Gostei muito deste documentário, que só posso dizer algo citando um trecho de uma cantiga que conheço:" A natureza é tão bela que nos ensina a amar".  Para quem não viu vale a pena conferir!

6 comentários:

Johnny disse...

Bom post Michelle,
Devemos lembrar que não somos donos da vida de nossos filhos e nem do seu destino. Temos apenas que os preparar e estimular para que no tempo certo sejam donos de suas próprias vidas, que caiam no mundo e não se tornem pessoas fracas e dependentes que necessitam ter sempre alguém que faça tudo por elas.
Beijos,
Johnny

Michelle Simões disse...

Falou e disse, Johnny!

Johnny disse...

Michelle,

Compareça ao Johnny's Pub para bucar o seu Prêmio Dardos.

Beijão!

junior disse...

Excelente a referencia provinda da natureza selvagem. aliás, devemos sempre estar atentos aos ensinamentos que a mãe natureza nos ensina.

Cristiana Fonseca disse...

Olá Michelle,
obrigada pela visita, pelas palavras gentis, seja bem vinda ao blog.
Adorei teu blog, é muito interessante, este artigo que publicou é maravilhoso.
Volte sempre,
Cristiana Fonseca

Patricia de Oliveira Simões disse...

Oi Michelle adorei seu blog!Concordo com a necessidade de deixar o filho andar com suas próprias pernas.Mas confesso que é difícil deixar ele sair do ninho...